Anedota: Acidente de Ferrari

Um lisboeta passa pelo Alentejo num bruto Ferrari mas, não conseguindo contornar uma curva, despista-se e desfaz o carro. Começa ele então a gritar:
– Ai o meu Ferrari! Ai o meu Ferrari!

Um alentejano que por ali passava, ao ver o gajo a gritar, diz-lhe:
– Ó amigo. Então você está para aí a gritar “ai o meu Ferrari”, e não vê que lhe falta um braço?

Começa então o lisboeta:
– Ai o meu Rolex! Ai o meu Rolex!…

You may also like...